3 Motivos para utilizar frisador de alumínio

Atualmente, sempre que temos dúvida quanto à qualidade de algum material ou como utilizá-lo, nós recorremos a uma pesquisa na internet que, quase sempre, nos retorna resultados relevantes e de grande ajuda.

Para auxiliar você em sua incessante busca por aperfeiçoamento em artesanato, elencamos Três Motivos para utilizar frisador de alumínio que podem te ajudar no momento de escolher com qual tipo de frisador você deseja trabalhar.

Motivo 1: Os frisadores de alumínio são duráveis

Talvez você não saiba, mas não existem somente frisadores de alumínio, existem, também, os que são feitos de resina. Optamos por trabalhar com frisadores de alumínio porque são longevos, não há a necessidade de extrema cautela no manuseio.

Se ocorrer um momento de descuido e o frisador de alumínio escapar de suas mãos e for parar no chão, certamente você se sentirá feliz em saber que ele não irá partir-se em dois, talvez sofra pequenos arranhões, danifique alguma quina, mas nada que interfira diretamente na qualidade final dos frisos no E.V.A. e\ou no Cetim Engomado.

Motivo 2: Podem ir ao forno

Este é um dos pontos mais importantes a se considerar na hora da compra.

Se você pensa apenas em trabalhar com E.V.A. e não pensa em manter seu material de trabalho utilizável por longos anos, o frisador de resina lhe será bem útil, mas se você ama artesanato, sabe muito bem o quanto ferramentas versáteis são essenciais e indispensáveis.

Ao contrário dos frisadores de alumínio, os feitos de resina não podem ser levados diretamente ao forno nem aquecidos diretamente no fogo. Isso não se trata de uma crítica negativa, o fato é que a resina pode ser danificada e você perde seu frisador, por outro lado, os frisadores de alumínio fundido podem ser levados ao forno e/ou aquecidos diretamente no fogo, o que lhe permite outras formas de manuseio e, o mais interessante, você pode trabalhar com outros materiais, como o Cetim Engomado, podendo, desta forma, variar muito os trabalhos que você executa.

Motivo 3: Conseguem frisar Cetim Engomado

Sim, se você pretende variar em suas criações, este é um resultado que o frisador de alumínio pode lhe oferecer. Como dito anteriormente, o frisador de alumínio, além de resistente a quedas, pode ser levado ao forno ou ter contato direto com o fogo, o que lhe permite frisar com perfeição tecidos de Cetim Engomado.

Enquanto a técnica de frisar E.V.A. permite que o E.V.A. seja aquecido e pressionado contra os frisadores, fazendo pressão com as mãos, o tecido de Cetim Engomado não deve ser aquecido da mesma forma, faz-se necessário aquecer o frisador (tome sempre muito cuidado ao realizar este procedimento) e, em seguida, colocar o Cetim engomado do formato desejado, sobre o frisador e, depois pressionar os frisadores com o auxílio dos cabos rosqueáveis e, se possível, utilize luvas térmicas, aquelas que se utiliza em cozinha.

Gostou? Curta, comente e compartilhe 😉

Conheça os novos Kit frisador de E.V.A. promocionais.

1 comentário

  1. Luzia Moiteiro

    Gostei imenso desta informação sobre estes moldes, tenho muita pena de não encontrar este tipo de artigos em Portugal. Parabéns vocês são fenomenais, super criativos.
    Como encomendar? Qual o preço em euros? Assim como gastos postais.
    Obrigado.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *